Sete dias por semana sem medo da notícia!
Estado de São Paulo declara luto por morte de Gugu Liberato
Apresentador será velado na assembleia legislativa de SP
Ouça a matéria

João Dória, governador de São Paulo, anunciou hoje (23) luto oficial de três dias em homenagem à morte do apresentador e empresário Antônio Augusto de Moraes Liberato, o Gugu Liberato, vítima de um acidente doméstico na quarta-feira (20) que resultou na sua morte. Os órgãos do apresentador, que faleceu após cair de uma altura de 4 metros em sua residência nos Estados Unidos, serão doados para pessoas em filas de transplante. A doação foi autorizada pela família e comunicada por meio de nota.

“Atendendo a uma vontade dele, a família autorizou a doação de todos os órgãos. Gugu sempre refletiu sobre os verdadeiros valores da vida e o quão frágil ela se revela. Sua partido nos deixa sem chão, mas reforça nossa certeza de que ele viveu plenamente”, declarou a assessoria de imprensa do apresentador.

Doação de órgãos

No Brasil, a lista de órgãos transplantáveis mais comuns, de acordo com o Sistema Único de Saúde (SUS) é composta por: coração, pulmões, rins, fígado, córneas, medula óssea, vasos sanguíneos, pâncreas e demais tecidos, como pele ou meninge. O processo de doação depende da compatibilidade entre o doador e o receptor.

De volta ao Brasil

O processo de doação e traslado do corpo de Gugu não deve ser concluído até quarta-feira (27). O corpo será velado na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, e será aberto ao público. Ainda não há data definida para o velório. Gugu será sepultado no jazigo da família, no cemitério do Morumbi, em São Paulo.

O apresentador tinha 60 anos e deixa três filhos: João Augusto de 18 anos e as gêmeas Marina e Sophia de 15 anos.

Com informações Agência Brasil.

Publicidade
Mais Lidas