Sete dias por semana sem medo da notícia!
Em Fortaleza, Procuradores-Gerais dos Estados e do DF preocupados com as finanças
buscando caminhos para manter o equilíbrio fiscal dos estados

Na última segunda-feira, 10, O Colégio Nacional de Procuradores-Gerais dos Estados e do Distrito Federal (CONPEG) reuniu-se em Fortaleza-CE, sobre a presidência de Francisco Wilkie Rebouças Chagas Júnior, onde debateram uma pauta de interesse comum, como ações estratégicas das PGEs, equilíbrio fiscal, atuações interfederativas e outros temas jurídicos comuns às instituições.

O procurador-geral do estado do Ceará, Juvêncio Vasconcelos Viana, avaliou como positivo o encontro e destacou: “Estamos vivendo um momento de preparação e transição. O nosso objetivo aqui é traçar estratégias de atuação, buscando caminhos para manter o equilíbrio fiscal dos estados”.

O procurador-geral do Rio Grande do Norte e presidente do CONPEG, ressaltou que “Os resultados expressivos foram obtidos sempre através da atuação coordenada entre as instituições. Chegamos a conclusão que só a partir de uma união efetiva entre os Estados, conseguimos bons resultados”

No fim da manhã, os participantes da reunião foram recebidos pelo governador Camilo Santana. Na ocasião, trataram de alguns temas relativos e comuns aos Estados.

Além dos procuradores-gerais do Ceará e Rio Grande do Norte, também estiveram presentes representantes dos Estados do Rio Grande do Sul, Distrito Federal, Pernambuco, Acre, Piauí, Paraíba, Maranhão, Bahia, Rondônia, Pará e Mato Grosso do Sul, além dos procuradores do Ceará João Régis Matias, Rafael Machado Moraes, Paulo Roberto Mourão Dourado, João Renato Cordeiro, Vicente Prata e Ludiana Rocha.

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também