sete dias sem medo da notícia
Mudou
Eduardo Bismarck conversa com a direção nacional do PDT e votará contra a PEC dos Precatórios
Eduardo Bismarck ainda cometeu gafe durante trabalhos na Câmara
Deputado Eduardo Bismarck. (Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados)
Por : Redação CN7
09/11/21 17:16

Após afirmar que manteria o voto favorável à Proposta de Emenda Constitucional (PEC) dos Precatórios, o deputado federal, Eduardo Bismarck, conversou com a direção nacional do PDT nesta terça-feira (9) e votará contra a proposta. O segundo turno da PEC deverá ser votada ainda nesta terça na Câmara dos Deputados, em Brasília.

Até o momento, 11 dos 15 deputados federais do PDT que votaram à favor da PEC dos Precatórios mudaram o voto e, agora, ficarão contrários a proposta. Entre os parlamentares do PDT cearense, apenas Robério Monteiro ainda não se manifestou sobre uma possível mudança de posicionamento. A expectativa, no entanto, é que o anúncio da mudança de posicionamento ocorra em breve.

Os três deputados do PDT cearense que mudaram o posicionamento, Leônidas Cristino, André Figueiredo, e, agora, Eduardo Bismarck, perderam R$ 19,8 milhões em emendas que ganhariam pelo voto à favor da proposta no 2º turno. No 1º turno, cada um dos quatro deputados (Leônidas Cristino, André Figueiredo, Eduardo Bismarck e Robério Monteiro) recebeu R$ 20 milhões em emendas.

Leia mais: Lêonidas Cristino muda voto e agora é contra a PEC dos Precatórios
Leia mais: André Figueiredo anuncia mudança de voto na PEC dos Precatórios

Se atrapalhou

Presidindo a sessão da Câmara dos Deputados, Eduardo Bismarck se atrapalhou e acabou encerrando os trabalhos para desespero do presidente Arthur Lira (PP-AL), que pretende votar o 2º turno da PEC dos Precatórios ainda nesta terça-feira. Porém, ao notar a falha, o parlamentar cearense voltou atrás e retomou a sessão.

Assista aos vídeos:

LINKS PATROCINADOS