Diretório nacional do PDT baixa resolução para barrar debandada de aliados de Cid

Documento foi assinado pelo presidente nacional do partido, André Figueiredo

(Foto: reprodução/Instagram)

31/10/23 16:10

O diretório nacional do PDT baixou uma resolução para tentar barrar a saída de deputados e vereadores aliados do senador Cid Gomes no Ceará. O documento, assinado pelo presidente nacional do PDT, André Figueiredo, na última sexta-feira (27), estabelece regras para a concessão de cartas de anuência para desfiliação de parlamentares eleitos na sigla.

Participe do grupo do CN7 no WhatsApp

De acordo com o documento, eventuais cartas de anuência para desfiliação – sem perda de mandato – só terão validade se passarem pelo crivo da executiva nacional do PDT. Desta forma, diretórios estaduais e municipais que receberem pedidos de desfiliação do partido precisarão repassar o pedido para análise do diretório nacional que terá o poder de aprovar, ou não, a saída do filiado. Caso contrário, a carta de anuência será imediatamente anulada.

Inscreva-se no canal do CN7 no Telegram

As resoluções entraram em vigor desde a última sexta-feira (27).

Confira documento:

LINKS PATROCINADOS