sete dias sem medo da notícia
Escândalo
Depois do BNB, suspeita é que Banco da Amazônia também tenha esquema com PT
AmazonCred é comandada pelo petista do Pará Raimundo Costa
Banco da Amazônia
Por : Redação CN7
15/10/21 12:22

Parece que é moda ONG petista em Banco Público. Após o BNB, chegou a hora de voltar os olhos para o BASA — Banco da Amazônia. Ao que tudo indica, a instituição encontrou um jeito de driblar a vigilância do presidente da República, Jair Bolsonaro, e manter milhões nos cofres da AmazonCred, comandada pelo dirigente do PT do Pará Raimundo Costa.

O Basa resolveu há meses, parece que mais de ano, fazer um processo licitatório para escolher um banco, uma cooperativa ou uma empresa especializada para administrar o programa de microcrédito: o Amazônia Florescer Rural. Os
processos licitatórios estranhamente não tiveram vencedor quando as propostas foram abertas.

Na 1ª licitação, a desculpa oficial foi que não apareceu ninguém interessado. Esquisito, não era impossível alguém aceitar as exigências. O estranho caso de um edital que ninguém se inscreve. Devido a isso, foi “necessário” renovar o contrato com a ONG petista AmazonCred por mais alguns meses.

Já na 2ª licitação, o modus operandi foi outro. Tudo para enganar o presidente Bolsonaro. O presidente do BASA, Valdeci Tose, criou tantas dificuldades e impasses nesse processo, que o tempo passa e nunca sai um vencedor.

Em tempo

Tudo nos conformes. Enquanto isso, a ONG petista AmazonCred continua com o microcrédito do Basa.

LINKS PATROCINADOS