Conselho de Ética do PMDB expulsa senadora Kátia Abreu do partido

23/11/17 16:34

O Conselho de Ética do PMDB nacional acaba de decretar, na tarde desta quinta-feira (23), por unanimidade, a expulsão da senadora Kátia Abreu do partido e cancelar sua filiação partidária. A medida é assunto desde setembro de 2016, após a parlamentar votar contra o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), e tecer duras críticas ao próprio PMDB e a partidos do Centrão.

Kátia Abreu também tem se posicionado contra as medidas propostas pelo presidente Michel Temer (PMDB), como a reforma trabalhista e a reforma da Previdência, assim como o senador Renan Calheiros (PMDB), que ataca o Planalto visando a usar a impopularidade devastadora do presidente para aumentar as chances de ser reeleito ao Senado em Alagoas.

Conselho de Ética

O Conselho de Ética considerou que houve falta de decoro e insusgência da senadora contra o PMDB, além de considerar que Kátia Abreu está atacando a imagem de integrantes da legenda. O presidente do PMDB, Romero Jucá, afirmou que acatará a decisão imediatamente.

Kátia em viagem

A senadora Kátia Abreu está em viagem ao Catar e ainda não se manifestou sobre a decisão. Ela tem dez dias para recorrer da decisão. Kátia, quando foi afastada das funções partidárias, já havia negado as acusações de irregularidade e afirmado que o PMDB não propôs punição aos seus membros envolvidos e condenados por crimes graves, como corrupção e formação de quadrilha.

LINKS PATROCINADOS