sete dias sem medo da notícia
Exclusivo
Conheça dono do avião apreendido com mais de uma tonelada de cocaína em Fortaleza
Empresário turco Sehmuz Ozkan comanda a ACM Holdings
Empresário turco Sehmuz Ozkan
Por : Redação CN7
09/08/21 12:34

O avião apreendido pela Polícia Federal com mais de uma tonelada de cocaína, na semana passada em Fortaleza, é de propriedade da ACM Holdings, cujo dono é o empresário turco Sehmuz Ozkan. As informações foram conseguidas com exclusividade pelo CN7 nesta segunda-feira (9).

O jato saiu de Riade, na Arábia Saudita, e foi até Málaga, na Espanha, com quatro tripulantes turcos. Lá, o passageiro espanhol Angel Alberto Gonzalez embarcou. Todos vieram para o Brasil, abastecendo a aeronave com cocaína em Ribeirão Preto (SP) e pousando em Fortaleza, com destino a Bruxelas, na Bélgica. A PF no Ceará frustrou o plano de tráfico internacional na última quarta-feira (4), apreendendo 1.304 quilos da droga.

O passageiro espanhol e o piloto turco, Veli Deli, estão presos no Ceará.

Em tempo

A ACM Air, que faz parte da ACM Holdings, emitiu nota: “É respeitosamente anunciado a todo o público que o cliente e os pertences pessoais em questão não têm nada a ver com nossa empresa e nossa tripulação de voo e que a responsabilidade pelo controle dos pertences dos passageiros está inteiramente sob a autoridade do aeroporto e que nossa tripulação de voo e aeronave chegarão à Turquia o mais rápido possível após a conclusão do processo legal”.

Em tempo II

A ACM Holdings tem sede em Sefakoy, Istambul, e atua em diversas áreas, como turismo, saúde e construção.

Entenda o caso

LINKS PATROCINADOS