sete dias sem medo da notícia
Eita
Ciro acusa PMs amotinados pela vitória apertada de Sarto no 2º turno
FG disse, em entrevista ao UOL, que recebeu a denúncia e que precisa apurar
Ciro Gomes
Por : Redação CN7
01/12/20 16:11

O vice-presidente nacional do PDT, Ciro Gomes, acusou PMs amotinados de terem ameaçado eleitores no 2º turno, por isso Sarto teria ganhado de Wagner de forma apertada. A declaração foi dado em entrevista ao UOL, publicada hoje (1º).

“Aqui fomos todos surpreendidos. O Datafolha, por exemplo, anunciava 14 pontos de vantagem, o Ibope 20 pontos, nossas pesquisas 20% de margem, e aconteceu esse resultado inesperado, para nós e para a oposição mesmo. É preciso ter humildade para avaliar o que aconteceu na reta final, mas nós temos algumas pistas”, disse Ciro.

E o FG disse mais: “Uma denúncia que nos chega, e isso tem que apurar, é que aquele dispositivo amotinado da Polícia Militar do Ceará entrou muito pesadamente na área das urnas. Muitos depoimentos estão chegando de policiais constrangendo e, você sabe, esse Capitão é o cara que liderou o motim que matou mais de 300 pessoas”.

Em tempo

Na cobertura do segundo turno, a mídia não denunciou esse tipo de ação. Já ameaças de membros de facções criminosas, foram muitas.

Em tempo II

Ciro também não falou do desgaste político de seu clã, que prejudicou a votação de Sarto.

Em tempo III

Conforme o CN7 apurou, na festa da vitória na cobertura de Prisco Bezerra, depois de ter se excedido na bebida, o FG teria culpado os “ merdinhas” dos evangélicos.

LINKS PATROCINADOS