sete dias sem medo da notícia
Centrais sindicais protestam em todo o país contra Reforma Trabalhista
Por : Redação CN7
10/11/17 8:56

As seis principais entidades representantes dos trabalhadores – CUT, Força Sindical, CTB, CSB, NCST e CGT, promovem hoje (10)  o Dia Nacional de Mobilização contra a implementação da nova legislação trabalhista, que entra em vigor neste sábado (11).

Segundo representantes do movimento, as manifestações também têm outras reivindicações: além da reforma trabalhista, a reforma da previdência, a terceirização e o trabalho escravo. Em vídeo no Facebook​, o presidente da CUT, Vagner Freitas chegou a dizer que se a reforma da Previdência for a votação, haverá nova paralisação geral.

A avaliação das instituições é de que as mudanças já aprovadas e as em discussão no Congresso são prejudiciais, porque retiram direitos dos trabalhadores. Estão previstas assembleias e mobilizações em frente às empresas, no começo do dia, e interrupção de atividades por períodos curtos – de meia hora ou uma hora, por exemplo. (Com O Estado de S Paulo).

Os protestos foram convocados no Acre, Alagoas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins.

LINKS PATROCINADOS