Sete dias por semana sem medo da notícia!
Canindé não tem casos de coronavírus, mas anuncia medidas de prevenção
Prefeita de Canindé, Rozário Ximenes
Ouça a matéria

A Secretaria Municipal de Saúde de Canindé afirmou que o município não tem nenhum caso de coronavírus, mas, mesmo assim, anunciou medidas de prevenção à doença.

Entre elas, por exemplo, é a abaordagem feita pela Guarda Municipal de Canindé a diversos veículos que faziam lotação com vários idosos e que vinham para a cidade.

Na blitz, os motoristas dos transportes foram orientados a retornarem a seus municípios de origem e neles permanecerem, principalmente, em suas residências.

Em tempo

O Ministério da Saúde iniciou a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe. Em Canindé, conforme entendimento da equipe da prefeita Rozário Ximenes, a vacinação vai de 24/03 a 23/05.

Neste ano, a campanha foi antecipada de abril para março, visando proteger de forma antecipada os públicos prioritários contra os vírus mais comuns da gripe.

A vacina contra influenza não tem eficácia contra o coronavírus, porém, neste momento, irá auxiliar os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para coronavírus, já que os sintomas são parecidos.

Além do mais, ainda, ajuda a reduzir a procura por serviços de saúde. Estudos e dados apontam que casos mais graves de infecção por coronavírus têm sido registrados em pessoas acima de 60 anos. Por isso, a primeira etapa da campanha contempla esse público e trabalhadores da saúde.

Conforme a Secretária de Saúde, Islayne ramos, não precisa uma corrida, pois não faltará vacinas.

CRONOGRAMA:

1ª fase: DE 24 A 31 DE MARÇO
EM CASA: Idosos acima de 80 anos e acamados acima de 60 (sede)
DE 1º A 15 DE ABRIL
EM CASA: Idosos acima de 80 anos e acamados acima de 60 (distritos rurais)
NAS ESCOLAS: Idosos de 60 a 79 anos; profissionais de saúde

2ª fase: DE 16/ABRIL A 08/MAIO
NAS ESCOLAS E UBS: Professores, profissionais de segurança e salvamento, portadores de doênças crônicas não transmissíveis e outras condições especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional.

3ª fase: DE 09 A 23 DE MAIO
NAS UBS: Crianças de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto), povos indígenas, adultos de 55 a 59 anos, pessoas com deficiência, povos indígenas e pessoas com deficiência.

Observação de Identificação dos pontos de apoio – ESCOLAS: São Francisco (centro), Carlos Jereissati (santa Luzia), José Ivan Magalhães (conjunto habitacional), CAIC (Palestina), Firmino Coelho (Cachoeira da Pasta), Raimindo Sousa Laurindo (creche/Alto Guaramiranga), Praça dos Mestres (romeirão/Campinas), Biblioteca Cruz Filho (centro).

Publicidade
Mais Lidas