Bancada cearense define critérios sobre recursos do Orçamento da União

Informação foi confirmada pelo deputado Danilo Forte

(Foto: Vinicius Loures/Câmara dos Deputados)

06/12/23 16:00

A bancada federal cearense, com 22 deputados federais, fechou um acordo e, por unanimidade, definiu os critérios sobre os recursos do Orçamento da União. A informação foi confirmada pelo deputado Danilo Forte (União Brasil), na noite dessa terça-feira (5).

Participe do grupo do CN7 no WhatsApp

No acordo, o Governo do Ceará fica com R$ 140 milhões dos R$ 316 milhões das emendas de bancada cearense. Para a oncologia serão destinados R$ 85 milhões. De acordo com o deputado Danilo Forte, os valores devem aumentar no orçamento do ano que vem. “Haverá um aumento na hora de definição da Lei Orçamentária Anual (LOA) de algo em torno de 20% nas emendas de bancada”, explicou. Desta forma, os repasses destinados ao Governo do Estado devem chegar a R$ 180 milhões, e os destinados ao tratamento do câncer, a R$ 120 milhões.

Inscreva-se no canal do CN7 no Telegram

Na avaliação de Danilo Forte, os deputados cearenses demonstraram uma “maturidade extraordinária” ao selar o acordo. Por outro lado, o parlamentar criticou o senador Cid Gomes (PDT), que foi contra o acordo. O ex-governador defendeu que metade dos R$ 316 milhões, ou seja, R$ 158 milhões, fossem encaminhados para o tratamento oncológico. Para o deputado Danilo, o senador foi “inconsequente” e “infantil”. “(O acordo) demonstra que a arrogância dos Ferreira Gomes está chegando ao fim”, avaliou.

Ouça o áudio completo:

LINKS PATROCINADOS