sete dias sem medo da notícia
Apreensões de drogas e armas de fogo aumentaram no Ceará em 2020
As constantes operações contra o crime organizaram contribuíram para esse aumento
As operações são constantes em todo o estado para a retirada de armas e entorpecentes de circulação
Por : Fernando Ribeiro
23/01/21 12:08

As apreensões de drogas e armas de fogo cresceram no Ceará em 2020. Esta é a conclusão das autoridades na divulgação oficial pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS)  da estatística criminal do ano passado.  Mesmo com todo o esforço das autoridades policiais, o estado, porém, apresentou u aumento de 78,9 por cento nos assassinatos em geral.

De acordo com as estatísticas da SSPDS postadas em seu site na última quinta-feira (21), em 2020 foram apreendidas no Ceará ao longo de 2020, nada menos, que 6.117 armas de fogo, incluindo revólveres, pistolas, fuzis, metralhadoras, submetralhadoras, espingardas, rifles e outros artefatos de diversos calibres.

No ano de 2019, foram apreendidas, conforme números oficiais da SSPDS, 5.479. Na comparação entre os dois anos, foram 638 armas a mais confiscadas pelas autoridades no ano passado, o que representou um aumento geral de 11,6 por cento na comparação dos dois anos.

Já as apreensões de entorpecentes tiveram uma alta mais acentuada em 2020 em comparação a 2019. No total, a Polícia apreendeu no Ceará inteiro, 8.358 quilos de entorpecentes diversos, como maconha, cocaína, crack e haxixe, além de drogas sintéticas em geral como ecstasy e LSD.  Em 2019, as apreensões foram em torno de 5.006 quilos.

Esforço conjunto

As constantes operações de combate às organizações criminosas e o incremento na fiscalização de rodovias estaduais, com blitze, investigações policiais e denúncias da população somam os esforços conjuntos para a retirada das armas de fogo, munições e dos entorpecentes de circulação no estado.

LINKS PATROCINADOS