Sete dias por semana sem medo da notícia!
Após recomendação de Luciano Huck, dono da Madero recua e muda comportamento político
Empresário defendeu abertura do comércio e se posicionou contra a quarentena
Ouça a matéria

O dono da rede de restaurante Madero, Júnior Durski, mudou o comportamento nos últimos dias, após ter entrado em polêmica defendendo a abertura do comércio e contra a quarentena.

Apoiador de Jair Bolsonaro, ele chegou a declarar que iria manter todos os empregos, e menos de um mês depois, demitiu cerca de 600 trabalhadores em todo o país.

Segundo pessoas mais próximas a Durski, a súbita mudança é atribuída a conselho do amigo e sócio Luciano Huck.

*Com Relatório Reservado.

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também