Sete dias por semana sem medo da notícia!
Alto risco: Guarda Municipal apreende linha de pipas com cerol que pode causar morte
Material foi apreendido pelos guardas durante rondas no bairro Vila Velha, na Capital
O material foi encaminhado à delegacia de Polícia do bairro
Ouça a matéria

Mesmo em tempo de pandemia e de um isolamento social obrigatório por decreto do governo, a meninada não deixa as suas brincadeiras de rua. E neste mês de junho, as pipas ou “arraias” voltaram a colorir os céus da periferia de Fortaleza. Apesar  disse, um grande risco reaparece para motociclistas: as linhas com cerol, uma substância colante que é preparada com pó de vidro para tornar a linha da pipa inquebrável. Ele, porém, se transforma em uma verdadeira arma que pode corta o pescoço dos condutores de motos.

Vários acidentes graves, inclusive como mortes, já foram registrados na Grande Fortaleza e no Interior do estado pelo uso do cerol, o que é proibido pelas autoridades. A Guarda Municipal de Fortaleza (GMF) está atenta para este fato e, na manhã desta sexta-feira (26), em patrulhamento rotineiro pelas ruas  do bairro Vila Velha, na zona Oeste da Capital, os guardas flagraram várias pessoas empinando pipas com o uso do cerol.

Crime

O material ilegal foi apreendido e encaminhado para a delegacia do bairro. Quem estava com a linha misturada a cerol foi advertido da prática e poderá ser responsabilizado criminalmente caso provoque algum acidente com feridos ou mesmo mortos.

Em caso de alguém ser atingido e o quadro clínico evoluir para óbito, os responsáveis, quando identificados, poderão responder por crime de homicídio (culposo ou por dolo eventual).

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também