Hidrogenio verde e o combustivel do futuro
eusebio junino

Alexandre Silveira solicita abertura de processo disciplinar contra Enel

Ministro das Minas e Energia revelou informação durante entrevista à GloboNews

(Foto: reprodução/Arce)

01/04/24 15:57

O ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, anunciou nesta segunda-feira (1º), em entrevista à GloboNews, que determinou à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) a abertura de um processo disciplinar contra a Enel. A empresa é responsável pela distribuição de energia em São Paulo, Rio de Janeiro e no Ceará. O ministro afirmou que o processo pode levar ao fim do contrato de concessão no Brasil.

Siga o canal do CN7 no WhatsApp

“Estou determinando à Aneel a abertura de um processo disciplinar que venha a apurar as transgressões reiteradas da Enel com a população de São Paulo, que podem levar inclusive a um processo de caducidade”, informou.

Durante a entrevista, o ministro lembrou que a Enel é alvo de mais de R$ 300 milhões em multas aplicadas pela Aneel, que é o órgão responsável pela fiscalização dos serviços prestados pelas concessionárias de energia em todo o país.

Inscreva-se no canal do CN7 no Telegram

O ministro também criticou os contratos de concessão com as distribuidoras e prometeu correções, em caso de uma renovação. “Os contratos com as distribuidoras, quando foram feitos, há 10, 15, 20 anos atrás, eles foram contratos muito frouxos, que deram uma liberdade na qualidade da prestação de serviço muito aquém daquilo que a população brasileira exige”, avaliou.

Assista ao vídeo:

LINKS PATROCINADOS