Sete dias por semana sem medo da notícia!
PF deve investigar também a relação da loteria cearense Fortcap com Cruz Vermelha
Ouça a matéria

A Cruz Vermelha Brasileira é alvo da operação Calvário como entidades beneficiárias da arrecadação das loterias esportivas, conforme a Lei 13.756 de dezembro de 2018, sancionada pelo então presidente Michel Temer. A loteria cearense Fortcap, por sua vez, possui certificado de contribuição emitido pela Cruz Vermelha. A Polícia Federal deve investigar a relação.

De acordo com o artigo 19, “a renda líquida de três concursos por ano da loteria de prognósticos esportivos será destinada alternadamente” para a Federação Nacional das Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Fenapaes), a Cruz Vermelha Brasileira e a Federação Nacional das Associações Pestalozzi (Fenapestalozzi).

Operação Calvário

A Operação Calvário foi desencadeada em dezembro de 2018 com o objetivo de desarticular uma organização criminosa infiltrada na Cruz Vermelha Brasileira, filial do Rio Grande do Sul, além de outros órgãos governamentais. A operação teve seis fases, resultado na prisão de servidores e ex-servidores de alto escalão na estruturado governo da Paraíba.

Confira a lei das loterias:

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também