sete dias sem medo da notícia
Aécio insiste em não renunciar à presidência e agrava crise dentro do PSDB
Aécio Neves
Por : Redação CN7
25/10/17 15:46

O presidente interino do PSDB, Tasso Jereissati, voltará a se reunir com o senador Aécio Neves (PSDB) nesta quarta-feira (25) para tratar da renúncia definitiva do ex-governador mineiro da presidência do partido, cargo do qual está licenciado. Segundo outros caciques tucanos, Aécio escolheu de forma deliberada “empurrar com a barriga” sua renúncia para criar constrangimento ao senador cearense e forçá-lo a deixar o comando interino.

Na última semana, após o Senado derrubar o afastamento de Aécio e devolvê-lo o mandato, Tasso declarou que o mineiro “não tem condições” de seguir no comando da sigla, mesmo que licenciado, e afirmou ter chegado “ao limite” na queda de braço com Aécio no racha dentro do PSDB. Tasso dá sinais cada vez mais claros que poderá renunciar ao cargo caso Aécio não renuncie.

Para um cacique tucano, o comportamento de Aécio está agravando o racha dentro do PSDB e “sepultando o partido”.

 

Com informações de Gerson Camarotti (colunista G1

LINKS PATROCINADOS