Sete dias por semana sem medo da notícia!
Advogado preso em flagrante com mensagens de facções é liberado, com tornozeleira
Alaor Patrício tentava sair da CPPL IV com 20 bilhetes de criminosos

O advogado Alaor Patrício Junior, de 25 anos, recebeu a concessão de liberdade provisória, sob a condição de usar tornozeleira eletrônica. A decisão foi divulgada nesta terça-feira (02) pela 2ª Vara da Comarca de Itaitinga.

Alaor foi preso em flagrante quando tentava sair da Casa de Privação Provisória de Liberdade Agente Elias Alves da Silva (CPPL IV), em Itaitinga , com quase 20 bilhetes com mensagens de integrantes de facções criminosas. Além disso, teve o exercício da advocacia suspenso, por 12 meses, pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-CE).

Confira na íntegra a decisão da Justiça:

Em tempo

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também