Sete dias por semana sem medo da notícia!
Advogada é presa suspeita de fornecer informações da Polícia para traficantes
A Polícia Civil prendeu também o traficante apontado como chefe da quadrilha
Nohara Freire Dantas foi presa pela Polícia no bairro Jóquei Clube, em Fortaleza

A advogada cearense Nohara Freire Dantas, 29 anos, foi presa durante mais uma etapa da Operação Labirinto da Polícia Civil, que vem desarticulando organizações criminosas e quadrilhas ligadas ao tráfico de drogas e às atividades de facções no Ceará. Ela é acusada de fornecer a bandidos  informações privilegiadas das investigações policiais.

Nohara foi presa em sua residência, no bairro Jóquei Clube, em Fortaleza, na tarde de quarta-feira (17) no mesmo momento em que a Polícia prendia também, em Pacatuba, o bandido apontado como chefe da quadrilha, o traficante de drogas, João Batista dos Santos Filho, 31 anos, o “Cadeado”.

A quadrilha chefiada por cadeado teria montado suas atividades criminosas em vários Municípios do Sertão Central, a partir da cidade de Quixeramobim (a 201Km de Fortaleza).

Informante

De acordo com a Polícia Civil, a advogada, que atua em várias cidades daquela região, vinha atuando como uma espécie de informante da quadrilha, repassando aos criminosos as informações relativas às investigações da “Operação Labirinto, que já prendeu 116 pessoas em todo o Ceará e 45 somente em Quixeramobim.

De acordo com a Polícia, no momento da abordagem, a advogada não reagiu e foi encaminhada ao Complexo das Delegacias Especializadas (Code), onde permanece presa por ordem judicial. As investigações contam com a participação do Ministério Público através do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).

A prisão de Nohara foi comunicada à Ordem dos Advogados do Brasil, Secção Ceará.

Traficante João Batista dos Santos Filho, o “Cadeado”, também foi capturado

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também