sete dias sem medo da notícia
Adail é pressionado por familiares para fechar delação e políticos temem
Ex-deputado pode revelar esquema criminoso que envolveu Prefeitura
Por : Redação CN7
22/11/20 11:10

O ex-deputado federal Adail Carneiro, preso na última quinta-feira (19) durante operação KM Livre 2 da Policia Federal (PF), está sendo pressionado por familiares para acelerar delação. Eles estão preocupados com a vida do ex-parlamentar que foi transferido para presídio na região metropolitana de Fortaleza.

No entanto, Adail reluta em entregar o esquema de corrupção de R$ 700 milhões em contratos com a Prefeitura de Fortaleza, ao longo dos últimos 20 anos, e principalmente os R$ 80 milhões sacados em espécie.

Durante seu depoimento, Adail Carneiro não revelou pra quem seriam direcionados quase R$ 2 milhões encontrados em caixas de papelão em sua empresa Auto Brasil no bairro de Fátima em Fortaleza.

Em tempo

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio e o senador Cid Gomes, nomes próximos do ex-deputado, já declararam que nada tem a ver com o ocorrido.

Em tempo 2

Documentos apreendidos pela Polícia Federal são comprometedores e podem revelar a ligação de muitos políticos com o esquema criminoso que funcionava há 20 anos.

Em tempo 3

Adail sacou R$ 80 milhões em espécie, e como temia ser preso a qualquer momento, preparou levantamento sobre o destino desse dinheiro. Se resolver falar, a casa pode cair para muitos nomes conhecidos da política.

LINKS PATROCINADOS