sete dias sem medo da notícia
Ação oferta 40 novas bolsas de estudo para mães de crianças com doenças raras
Por : Redação CN7
06/04/17 17:34

O projeto Mães Produtivas, desenvolvido pelo Grupo Ser Educacional em parceria com a Aliança de Mães e Famílias Raras (AMAR), está ofertando novas bolsas para cursos de graduação e especialização via educação a distância (EAD). No total, são 40 vagas, distribuídas nos estados de Alagoas, São Paulo, Rio Grande do Norte, Ceará, Bahia e Paraíba.

O projeto foi criado pelo Instituto Ser Educacional para levar a qualificação profissional para essas mães que não podem fazer aulas presenciais, pois são cuidadoras dos filhos. No Ceará, a Faculdade Maurício de Nassau ofertará cursos de graduação pelo site de os cursos às mães, que devem acessar o site de EAD da UNINASSAU (www.uninassau.edu.br). Há opções de cursos de bacharelado, licenciatura e tecnólogo.

Para mais informações, as mães precisam entrar em contato com a AMAR, pelo e-mail [email protected] ou pelos telefones (81) 3132-0650, (81) 3462-6444 e (81) 9-8448-8710. A pré-seleção das candidatas será pela ONG AMAR, a qual irá analisar a condição das mães com os filhos com microcefalia e doenças raras. Após a triagem, a coordenação de Projetos EAD da UNINASSAU entrará em contato com as candidatas para que elas participem do processo de seleção e inscrição.

Realizada a inscrição, elas deverão comparecer ao polo responsável para validar a matrícula e receber as demais instruções. Assim, poderão cursar a graduação via internet, estudando de 8 a 12 horas por semana. Haverá, na sequência, outros encontros aos sábados, em intervalos definidos no Ambiente Virtual de Aprendizagem.

Confira abaixo o número de vagas para cada instituição:

Alagoas – 6 vagas
Bahia – 5 vagas
Ceará – 3 vagas
Campina Grande – 5 vagas
João Pessoa – 5 vagas
Rio Grande do Norte – 5 vagas
São Paulo – 11 vagas

LINKS PATROCINADOS