Sete dias por semana sem medo da notícia!
Pesquisa aponta que a maioria dos brasileiros é contra auxílio-moradia para políticos
A maior taxa de rejeição privilégio dos políticos foi registrada na região Sudeste
Deputados e senadores gozam do privilégio de terem imóveis pagos com dinheiro público

Uma pesquisa realizada recentemente em 26 estados brasileiros e no Distrito Federal , abrangendo 174 municípios, apontou que a maioria da população desaprova o pagamento de auxílio-moradia para deputados e senadores. A taxa de rejeição ao benefício chega a 91.7 por cento dos entrevistados pela Paraná Pesquisas, , especialista em opinião pública.

De acordo com o levantamento realizado no começo deste mês, apenas 4,4 por cento dos entrevistados concorda no pagamento de aluguel de imóveis para os políticos que integram o Congresso Nacional.  Outros 3,9 por cento disseram não saber do assunto ou preferiram não opinar.

A maior taxa de rejeição à concessão do benefício aos parlamentares foi registrada na região Sudeste, com 93,1 dos entrevistados discordando da medida. Em seguida, aparece a região Sul (92,2%), surgindo em seguida as seguintes regiões: Norte e Centro-Oeste (90,8%) e o Nordeste, que ficou em último lugar, com 89,6 por cento dos entrevistados opinando serem contra os deputados e senadores terem o benefício.

Veja em números o resultado da pesquisa:

Publicidade
Mais Lidas
Leia Também