sete dias sem medo da notícia
Pirataria
Polícia Federal deflagra operação contra radiodifusão clandestina em Barbalha
As investigações tiveram início no ano de 2021, através de fiscalização da ANATEL
Por : Redação CN7
29/06/22 11:16

A Polícia Federal (PF) deflagrou operação policial na manhã desta quarta-feira (29), com o objetivo de instruir inquérito policial que apura crime de radiodifusão clandestina, com difusão da emissora investigada na cidade de Barbalha, na região do Cariri. A atuação se dá em conjunto com a ANATEL.

Dez policiais federais cumprem dois mandados de busca e apreensão expedidos pela 16ª Vara da Justiça Federal, em domicílios investigados na cidade de Barbalha. As buscas têm como objetivo apreender documentos, objetos e equipamentos que indiquem os responsáveis pelo funcionamento clandestino da rádio e outros elementos de prova que possam elucidar a participação dos suspeitos no delito investigado.

As investigações tiveram início no ano de 2021, através de fiscalização da ANATEL. Equipes da PF confirmaram funcionamento da rádio clandestina em junho de 2022. As investigações levaram ao possível responsável pela difusão clandestina.

Os investigados poderão responder, na medida de suas responsabilidades, pelo crime de radiodifusão clandestina – art. 183 da Lei 9.472/97, com penas de até quatro anos de prisão

LINKS PATROCINADOS